Home / RHTech / Inteligência artificial e Design Organizacional: o que o futuro reserva para o RH
Design Organizacional, Inteligência Artificial e a Transformação Digital no RH

Inteligência artificial e Design Organizacional: o que o futuro reserva para o RH

Desde os anos 50 a tecnologia se esforça para levar a inteligência do ser humano para as máquinas, lembrando que o termo Machine Learning surgiu já em 1959. E nesta última década, essa ideia de Inteligência Artificial, começou a ganhar contornos mais reais.

Hoje, os computadores já aprendem sozinhos e são capazes de interagir conosco em linguagem cada vez mais natural, estão se tornando parte do dia a dia. Mas, tudo isso ainda está bem no começo. O difícil é imaginar onde vai parar…

O ser humano sempre teve esse desejo de transferir seu conhecimento para uma máquina, para que ela executasse “sozinha” tarefas o ajudando a poupar tempo.

hoje mais do que programar as máquinas, é preciso que elas aprendam, dar autonomia a elas – algo bem parecido com o que nós humanos fazemos.

E esse futuro já está aqui, Elon Musk que o diga.

Mas a inteligência artificial tem diversas aplicações, e muitas empresas adotaram meios de utilizá-la para otimizar seus processos e até identificar problemas com antecedência, prevenindo uma série de gastos desnecessários evitando assim prejuízos em sua produção.

No setor de Recursos Humanos, utilizamos AI para muitos fins, e um deles é o de Analisar pessoas, “People Analitycs”, e assim poder entender como um determinado profissional pode melhorar, evoluir, contribuir de alguma maneira melhor, e compreender o que o deixa mais feliz ou triste em um ambiente de trabalho.

Isso nos ajuda muito a reduzir o TurnOver, melhorar o aproveitamento desse profissional e até saber quando ele está sobrecarregado.

Depois de todas essas mudanças no mercado com a chegada de tecnologia, mudança no comportamento humano, e as organizações fazendo seus ajustes internos, chegamos ao conceito de Design Organizacional.

Esse é o novo papel do RH, o Design Organizacional.

Agora vamos entender como o Designer Organizacional ajuda a melhorar a gestão de pessoas em uma companhia.

“Gerir pessoas é complicado. Isso não é novidade para nenhum profissional de RH. E o que também não é novidade é a dificuldade de encontrar soluções que façam a diferença na vida das pessoas e que realmente ajudem os colaboradores e realizar suas tarefas com mais eficiência e agilidade. O mercado atual obriga que as empresas aumentem a produtividade e mantenham o alto nível de qualidade.”

Segundo Marco Ornellas, uma de maiores autoridades no assunto, ser um designer organizacional na área de RH significa buscar entender o comportamento humano para que, a partir disso, seja possível criar soluções que façam sentido, que a implementação seja possível e que seja viável financeiramente. É, de fato, buscar soluções baseadas nas necessidades dos colaboradores de forma que contribua para uma melhor performance da força de trabalho e, consequentemente, para bons resultados nos negócios. Desde o princípio, era esse o papel ideal do RH, mas acabou se perdendo pelo caminho. E com o mundo em constante mudança e cada vez mais complexo, precisamos de um profissional que busque inovação e se preocupe com as necessidades do outro.

Quando buscamos resolver um problema, é comum olharmos apenas a superfície, não nos atentarmos aos detalhes e não nos aprofundarmos na raiz do problema e isso resulta em soluções vazias, que apresentam uma proposta superficial, com pouquíssimas chances de bons resultados. E trabalhar dessa forma, atualmente, é como contar com a sorte. As empresas que quiserem se manter no mercado precisam de profissionais dispostos a encarar novos desafios, deixar o medo desconhecido de lado e mergulhar no campo das novas ideias.

O mundo passa por um período diferente de todos os outros que a humanidade já viveu. Portanto, as soluções que temos hoje não podem resolver os problemas que estão surgindo agora e que vão continuar aparecendo amanhã. É preciso atuar como um designer organizacional para ir a fundo, estudar o problema, conhecer suas causas e só assim desenhar protótipos que possam se transformar em soluções.

E como isso reflete na gestão de pessoas?

Gerir pessoas é uma arte. Para obter sucesso em uma empreitada como essa, é preciso sensibilidade, empatia e estudo profundo sobre os envolvidos. Um profissional que planeja e desenha estratégias pensando na necessidade e realidade de quem vai usar as soluções criadas tem muito mais chances de ter pessoas satisfeitas, engajadas e com boa performance.

Ao mudar a forma de pensar a gestão, é possível se concentrar mais nas pessoas, que são os motores para o crescimento do negócio. Por muito tempo, a gestão de pessoas foi mais focada nos processos, nos números e outros fatores distantes do que realmente importava. Gestão de pessoas significa gerir o capital humano de forma que todos sejam desenvolvidos e evoluam suas habilidades a fim de ajudar a empresa a atingir bons resultados.

O designer organizacional olha para as pessoas de forma diferente. Ele não enxerga apenas o problema. Ele busca conhecer as raízes e oferece soluções que tratem as discrepâncias que causam o problema maior. Isso, além de aumentar as chances de corrigir o problema, também mostra ao colaborador que ele é importante e que a organização reconhece seu valor para os resultados dos negócios.

No livro DesigneRHs para um Novo Mundo, de Marco Ornellas, você encontra um amplo aprofundamento no conceito de designer organizacional e insights de como dar o primeiro passo para transformar a área de RH e ser um profissional inovação, que pensa no futuro e em soluções que façam sentido para todos os stakeholders. Você pode adquirir o livro neste link.

Hoje na BeeJobs nós implementamos toda uma estrutura para o Gestor de RH ter total controle e o maior campo de visão sobre o seu colaborador, com diversas features como: Análise comportamental, Mapa de calor, Alinhamento de Expectativas, Alinhamento com a Missão e Visão da empresa, Avaliações práticas, Trilha de aprendizado, Gamification, Cursos, Treinamentos e Palestras.

Quer conhecer um pouco mais do que fazemos na BeeJobs e como podemos auxiliar o seu RH a de fato ter uma transformação digital?

Entre em contato comigo! Vamos conversar 

Comments

0 comments

Verifique também

Inteligência Artificial e a Transformação Digital no RH - BeeJobs

A tecnologia pode mudar o Brasil

Transformação é a palavra-chave para o Brasil para este e os próximos anos. Em todos os …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Bitnami